domingo, 19 de dezembro de 2010

Resumo da Década - Palmeiras

Pois bem, conforme adiantei há dias, iniciamos hoje aqui no "Opinião" o resumo da década dos doze maiores clubes do Brasil.
Títulos, ídolos, jogos memoráveis, jogos pra esquecer, perspectiva para a próxima década, enfim, como seu clube se saiu nos dez primeiros anos do vigésimo primeiro século de nossa história.

PALMEIRAS

O grande ídolo da década, e quem sabe da história: Marcos é a alma palmeirense

Sabe bem o que vem pela frente?

Se há um clube brasileiro que gostaria de saber minimamente o que irá lhe acontecer nos próximos anos, este clube é o Palmeiras. 
Porém, após uma de suas piores décadas em toda sua história de 96 anos, ao contrário do que diz o hino, o torcedor alviverde hoje ainda não tem indicações claras se o sucesso enfim voltará, ou se as vacas permanecerão no doloroso processo de emagrecimento que estão há tempos.
Um único título nos últimos dez anos, o paulista de 2008. É realmente incrível, mas o clube que teve as equipes mais recheadas de craques da última década, conseguindo inclusive um bi-campeonato nacional, não consegue se encontrar desde o fim da vitoriosa parceria com a Parmalat.

A década começou com uma boa campanha na Libertadores de 2001, em que o clube parou na semi-final.
Já no decorrer dela, particularmente na Copa do Brasil, colecionou eliminações vexatórias para times de segundo e terceiro escalões nacionais.
ASA em 2002; Vitória em 2003 com direito à uma goleada de 7 dentro do Parque Antartica; em 2004 quem fez a festa foi o Santo André; o Ipatinga o eliminou em 2007, o Sport em 2008 e esse ano foi a vez do Atlético Goianiense. Histórico assustador que mostra que algo maior fora de campo, não anda bem há tempos para o Tetra-campeão brasileiro.

Nos brasileiros de 2004, 2005 e 2008, três quartas colocações honrosas, mas todos sabem: é muito pouco.
E fica evidenciado o pouco valor dessas campanhas, principalmente quando analisadas como um possível exemplo de mudança de prumo, quando nos lembramos que após as mesmas, nada mudou, e que neste mesmo campeonato, o clube entregou um título que todos já julgavam ser dele, em 2009.

Se o futebol profissional indica que algo não anda bem em seu comando, as divisões de base do clube seguem na mesma toada.
Ilsinho, Zé Eduardo, Bruno César e Elias. E aí, gostaria de ter esses jogadores no seu time?
O Palmeiras não quis.
Todos passaram pelas equipes de base do Palmeiras. 
Elias por exemplo passou onze anos lá dentro.

Mas quando se olha para o elenco do Verdão nos últimos anos, o que se vê em sua grande maioria são jogadores de nível duvidoso em quase todas as posições.
Mesmo assim, veja se não gostaria de ter esse time ao seu dispor:
Marcos; Arce, Danilo, Gamarra e Lúcio; Marcinho Guerreiro, Magrão, Alex e Valdívia; Kléber e Vágner Love.
Treinador?
Veja se um desses nomes te satisfaz: Felipão, Muricy e Vanderlei Luxemburgo.

Realmente não é naquele pequeno retângulo delimitado por linhas brancas entre o banco de reservas e o campo de jogo que reside o problemas do Palmeiras.
Disputas políticas acirradas e indicações equivocadas para gerenciar o futebol do clube, provam que o problema mesmo desta vitoriosa marca que daqui a quatro anos comemora seu centenário, está muito mais em cima.  

4 comentários:

Gabriel Campi disse...

Belo post, Rodrigo, parabéns. O Palmeiras não teve uma década tão boa assim, conquistou a Série B e um Paulista, o de 2008. Como você citou, problemas internos atrapalharam o clube neste período.

Abraços!

www.blogfutebolnaveia.blogspot.com

Jhennifer Fraga disse...

O Palmeiras não teve uma boa década,o clube precisa voltar aos tempos de glória.

abraços!

fluminensetricolorguerreiro.blogspot.com

Gabrielluminus disse...

Prezadíssimo, realmente foi uma década terrível para um time como o Palmeiras. Mas, como todos sabemos, os grandes problemas foram fora de campo.

Sem contar o sucateamento e abandono do patrimônio físico de seu clube durante todo este tempo, que agora tenta se reestruturar, através de obras com orçamentos supostamente duvidosos. Uma pena para o verdadeiro torcedor e para o sócio comum do Palestra.

Você, caríssimo Carvalho, conhecedor do meu flerte, cada vez mais desgostoso com este clube, saiba da minha crescente contristação para com esta situação. E os ventos não me parecem nada promissores.

Parabéns pelo trabalho e um abraço.

Anônimo disse...

PALMEIRAS É O MELHOR! melhor década de todas p Palmeiras! está compreendido!?!?

BlogBlogs.Com.Br