segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Resumo da Década - Atlético Mineiro


Uma loucura chamada torcida do Galo: é ela de longe, o grande craque do clube nesta década


ATLÉTICO MINEIRO

O Galo quer se vingar!

Se o palmeirense hoje não tem muita noção do que vem pela frente como vimos ontem, o atleticano por sua vez, que sofreu muito nesta década, parece ter dias melhores à sua espera, com Dorival Júnior no comando.
A década primeira deste século foi de raros títulos para o Galo, apenas dois mineiros em dez anos, o que num estado polarizado em dois clubes, é pouquíssimo.

As semelhanças com o Palmeiras, clube retratado ontem, são muitas.
Ambos foram rebaixados, e voltaram no ano seguinte com a obrigação realizada(alguns também chamam de título de campeão da série B). Assim como o colega paulista, o Atlético também colecionou eliminações vexatórias na Copa do Brasil, nestes últimos dez anos. Goiás, Brasiliense(este numa semi-final, o que não sei se agrava ou atenua a vergonha), Sport, Santo André e Ceará. De 2001 à 2005, o Galo assistiu adversários modestos crescerem para cima dele na competição nacional de mata-mata.

E se na Copa do Brasil, competição onde clubes grandes em declínio tem sua oportunidade de voltar a respirar, o Galo Forte não foi bem, pior ainda no sempre difícil campeonato brasileiro.
Além do rebaixamento de 2005, nas outras oito campanhas, apenas um quarto lugar em 2001, quando o campeonato ainda não era por pontos corridos e duas sétimas colocações em 2003 e 2009.

A mediana sul americana, que neste ano virou o objeto de desejo do limitado Palmeiras que claramente não tinha condições de disputar o título nacional, também foi mais uma competição onde o Galo, mesmo com adversários mais fracos, não teve sucesso.
Cinco participações em 2003, 2004, 2008, 2009 e neste ano, e em apenas uma delas alcançou algo mais que a primeira fase, justamente neste ano quando chegou às quartas de final.

De bom mesmo na década, a transformação de seu C.T. na bem sucedida Cidade do Galo, eleito o melhor centro de treinamentos do Brasil em 2010 e as comemorações, mesmo que sem título, do centenário do clube em 2008.
Time da década: Velloso; Mancini, Leandro Almeida, Marcos e Rubens Cardoso; Gilberto Silva, Márcio Araújo e Danilinho; Marques, Guilherme e Diego Tardelli.

7 comentários:

Kaique Pedaes disse...

Olá, tudo bem? Não quero falar muito. Sou do blog www.net-esportes.blogspot.com e

ele vai abrir as inscrições para o Bolão da Libertadores de 2011. Se você quiser

participar, segue o link:

http://net-esportes.blogspot.com/2010/12/bolao-da-libertadores-2011.html. E se

você quiser fazer parceria conosco, caso ainda não seja nosso parceiro, deixa um

recado lá também. NOTA: Estamos procurando colunistas. Você aceita colaborar

conosco? (obs. e-mail: kaique.pedaes@r7.com; deixa um recado no blog tbm).Abraço!

Giovani Mattiollo disse...

O Galo intercalou anos muito bons e muito ruins. Ficava na parte de cima da tabela em alguns campeonatos e em outro foi até rebaixado.
Espero que o Galo faça time forte pra disputar bem a Copa do Brasil.

Abraço

http://gremista-sangueazul.blogspot.com

Cleber Soares disse...

e ai Carvalho, blz.
Na verdade, se bem analisada, depois dos anos 80 o galo nunca mais foi o mesmo time, até teve bons momentos, mas muito longe daquele time dos anos 70 e 80, mas concordo com vc quando diz que novos tempos deverão chegar... parace que essa semente finalmente começou a brotar....

aproveito para lhe desejar um FELIZ NATAL E UM 2001 DE MUITO SUCESSO, PAZ E SAÚDE.
Um abraço.

BLOG DO CLEBER SOARES
www.clebersoares.blogspot.com

Gabriel Campi disse...

Apesar de não ter vivido excelentes momentos nesta década, o futuro do galo promete bastante, com o comando do Dorival Júnior e com as aquisições que o presidente Alexandre Kalil está fazendo, reforçando o elenco para o ano que vem.

Abraços!

www.blogfutebolnaveia.blogspot.com

Ana Fernandes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Fernandes disse...

O Atlético não vem bem há muito tempo. Tanto não vem bem, que eles não possuem nem Copa do Brasil ou Libertadores, e nem conseguem se classificar para a disputa desta última, há muito tempo. Para falar a verdade, não ganham um título importante desde 1971, quando ganharam o Campeonato Brasileiro.
Vamos ver se agora com a chegada do Dorival Júnior e com o elenco forte que eles vem preparando, melhoram né.

www.futnaintegra.blogspot.com

Anônimo disse...

Fala moço! vivi o GALO nos anos dourados do futebol brasileiro,sempre tivemos TIME com maiúsculas e por obra e graça das¨arbitragens¨ñ levamos nada e olhe q chegamos ser vice em 77 com 12 pts á frente do spfc. Mas isso passou, e o GALO parou no tempo,por conta de administrações desastrosas quem visavam o bem próprio em detrimento ao CLUBE.Ñ investiram no futuro,ñ revelaram ngm,contrataram errado,sofremos um descenso vergonhoso,e por ai vai.Que o CLUBE tenha aprendido a lição neste ano,nome não ganha títulos futebol bem administrado sim,é o q esperamos para 2011.
Abs. e obrigado pelo espaço cedido.

BlogBlogs.Com.Br